Fujimoto

Roberto Straub Comunicação, Inspirações

Sou Fujimoto apresenta na Japan House em SP suas imaginações poéticas na exposição ‘Futuros do futuro’. Logo na entrada, pode-se ler:

‘Arquitetura primeiro a gente encontra, depois faz.’

O labirinto de maquetes de inusitados materiais logo na entrada demonstra o quanto essa afirmação permeia o pensamento e a criação do artista. Esponjas, galhos e até batatas chips se transformam em projetos e propostas. Abaixo um momento ‘Escher’ da exposição.

Roberto Straub