Labirintos

Roberto Straub Comunicação, Estratégias, Inspirações

Desenhar labirintos é como seguir pistas em minha memória.

Frase de Motoi Yamamoto, que escolheu o sal para seus intrincados trabalhos por ser um elemento essencial à vida. E porque cada grão contém gravado sua própria história e trajetória. Marcado pela perda da irmã ele passou a construir essas mandalas como exercícios necessários para sua cura. Uma reflexão sobre vida, morte e renascimento.

Ao final das semanas de cada mostra o sal utilizado é devolvido ao mar com a colaboração do público presente. Assista aqui.

Mais imagens na galeria acima e outros vídeos aqui.

Roberto Straub